Polícia identifica suspeitos de envolvimento na morte de criança de 2 anos na Bahia; detento teria ordenado invasão de bairro

Fonte: G1Bahia

Kethellen Mayane Bispo foi morta com um tiro na testa em Feira de Santana. Segundo delegado que investiga o caso, homens foram ao bairro Aviário II por causa de uma disputa de tráfico de drogas.

Duas pessoas suspeitas de envolvimento na morte de Kethellen Mayane Bispo França, a criança de dois anos baleada na testa em Feira de Santana, foram identificados pela polícia. Segundo o delegado Rodolfo Faro, que investiga o caso, os suspeitos, que não tiveram os nomes divulgados, já cometeram outros crimes, que não foram detalhados.

De acordo com o delegado, o bairro foi invadido a mando de um homem que está preso em Feira de Santana e a motivação da invasão seria uma disputa do tráfico de drogas na localidade. O delegado não informou o motivo pelo qual o homem está preso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Polícia Civil afirmou que as investigações seguem em andamento e que testemunhas estão sendo ouvidas.

Kethellen Mayane Bispo França foi baleada na noite de sábado (5), no bairro Aviário II, quando voltava do supermercado com a mãe.

À polícia, a mãe da vítima disse que viu um grupo de homens desconhecidos atirando aleatoriamente pela rua e tentou correr. Porém, segundo ela, os suspeitos atiraram propositadamente na criança.