Atakarejo: Polícia prende mais um suspeito de envolvimento em mortes após furto

Fonte: Bahia.ba

Acusado foi preso em um imóvel na Rua Itajua, no Nordeste de Amaralina

Equipes da Polícia Civil cumpriram, na segunda-feira (6), mais um mandado de prisão de um homem suspeito de envolvimento no caso do Atakarejo, onde tio e sobrinho foram mortos por traficantes do Nordeste de Amaralina, em abril deste ano.

O acusado foi preso em um imóvel na Rua Itajua. O mandado foi expedido pela 1ª Vara de Tóxicos de Salvador.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) o suspeito também é investigado por envolvimento com o tráfico de drogas e uma série de outros assassinatos ocorridos na região.

O homem foi conduzido para a 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico) e o celular apreendido com ele encaminhado à perícia. Com o cumprimento da ordem judicial, o suspeito foi submetido a exame de lesões corporais e está à disposição da Justiça.

No último dia 26 de abril, Bruno Barros da Silva e Yan Barros da Silva foram levados para o interior da loja Atacadão Atakarejo após furtar alimentos no local. Dois seguranças, que também foram presos, entregaram tio e sobrinho para a execução no bairro do Nordeste de Amaralina, na localidade do Boqueirão.