Fonte Limpa: operação policial combate o tráfico de drogas na Região Metropolitana de Salvador

Fonte: Aratu Online

Durante as ações foram cumpridos três mandados de prisão e quatro de busca e apreensão em Dias d’ Ávila e em Salvador

Policiais civis da Coordenação de Narcóticos do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), realizam, nesta sexta-feira (8/10), a Operação Fonte Limpa, que tem como objetivo coibir o tráfico de drogas na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

As ações que têm o apoio do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom) e da Coordenação de Operações Especiais (COE), visam também prender lideranças dos grupos da região.

O diretor do Draco, delegado José Bezerra Júnior, destacou o enfraquecimento do tráfico. “Ações como estas serão intensificadas nestas regiões e todas onde estiverem ocorrendo confronto entre grupos rivais, que atuam no tráfico de drogas e nos Crimes Violentos Letais Intencionais”, afirmou.

As ações, que são desdobramentos da Operação Cangalha, também têm o objetivo de realizar investigações de campo, para outros avanços no combate ao tráfico de drogas na RMS. “Retirar drogas e armas das ruas é um dos principais caminhos para prevenir outros crimes”, pontuou o coordenador da Coordenação de Narcóticos, delegado Glauber Ushiyama.

PRISÕES

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Durante as ações foram cumpridos três mandados de prisão e quatro de busca e apreensão em Dias d’ Ávila e em Salvador. Um dos presos, encontrado no bairro de Sete Abril, é líder de um grupo criminoso, responsável por tráfico de drogas e homicídios, naquele município da RMS.

Uma dupla, que teve mandado de prisão cumprido em Dias d’ Ávila, também é suspeita de homicídios e tráfico , além de integrar uma quadrilha. Um deles tem passagens, por tentativa de homicídio, roubo, assalto, tráfico e havia sido liberado do sistema prisional há 20 dias.

A Operação Cangalha é realizada em todos os estados do Nordeste, com apoio da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça (SEOP/MJ).