Projeto em Feira de Santana propõe troca de animais usados em carroça por motos

Fonte: Correio24horas

Bichos serão doados para que sejam tratados por estudantes de Medicina Veterinária

Uma iniciativa quer acabar com o uso de animais para transporte em Feira de Santana. A proposta é que os carroceiros abandonem o uso de bichos e passem a usar motos.

A ideia é da Secretaria de Saúde de Feira de Santana, em parceria com a Faculdade Regional da Bahia (UNIRB), e um termo de convênio e estágio nesta terça-feira (5).

A proposta prevê que os animais usados em carroceria sejam doados à faculdade e passem a viver nos campos de estágio da instituição. Eles serão cuidados pelos estudantes do curso de Medicina Veterinária, que poderão colocar em prática o que aprenderam em sala de aula.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As motos concedidas aos carroceiros serão cedidas pelo Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran), destinando veículos de apreensão – que não possuem proprietário. A revisão e adaptação dos veículos fica por responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

“Dessa forma salvamos o animal e o carroceiro não perde a sua fonte de renda. O próximo passo é assinar o convênio com o Detran e Polícia Rodoviária Federal”, explica o secretário Municipal de Saúde, Marcelo Britto.

Para o reitor e presidente da rede Unirb, Carlos Joel Pereira, a retirada desses animais das ruas ajudará os estudantes a terem boa formação, além de ser benéfico para os animais, que deixarão de ficar expostos ao sol e chuva e passarão a ter alimentação adequada. “Nossa expectativa é contribuir com o município, vamos acolher esses animais para auxiliar na formação dos nossos estudantes”, pontuou.

Em Feira de Santana é proibido o trânsito de veículos de tração animal no Centro, conforme dispõe a Lei Municipal nº 3527/2015.